Bebés,  Gravidez,  Mães e Bebés

Vernix caseoso no Recém-nascido

O seu bebé nasceu todo barrado com banha de porco? Ah ah ah ah! Chama-se vérnix e é uma gordura branca, produzida pelas glândulas sebáceas, ao longo da gravidez e reveste a pele toda do bebé, mais intensamente entre as 27 e as 35 semanas de gravidez. O vérnix é resistente á água, serve para proteger a pele sensível do bebé contra o contacto direto com o líquido amniótico. Com uma função termorreguladora, estudos recentes, constataram que o vérnix contém proteínas antibacterianas que protegem o bebé de infeções intra-útero. E posteriormente, fora dele, já que o vérnix persiste, até algumas horas, ou dias, nas pregas após o nascimento. A gordura do vérnix vai ajudar na elasticidade natural da pele do bebé, permitindo-o  crescer dentro da barriga da mãe. Há também quem defenda que o vérnix caseoso facilita a passagem pelo canal vaginal , funcionando como lubrificante, no momento do parto!

Após o nascimento o bebé é apenas sêco com o pano que o envolve, e não se retira esta camada importantíssima para o bebé! As indicações da OMS são que Idealmente, não se deve retirar o vérnix nas primeiras horas (6 a 8 horas), excepto em situações de contágio da mãe (HIV, por exemplo.) Se o vérnix persistir, para além das 48h, nas preguinhas (Axilas, virilhas) por vezes recomenda-se ir retirando sem esfregar nos cuidados de higiene prestados ao bebé!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *