Alimentação,  Amamentação,  Blog,  Mães e Bebés

Amamentação … Mitos ou Verdades?

O leite materno é o alimento ideal e completo para o seu bebé. Ainda têm dúvidas?
Então em modo de Mito ou verdade, vou esclarecer alguns mitos, pois sei que informações incorrectas podem atrapalhar a amamentação, e nalguns casos até levar a mãe a desistir.

MITO OU VERDADE:

Existem Leites Fracos?
MITO: O leite Materno nunca é fraco, muda é de aparência conforme as necessidades do bebé! Inicialmente chama-se colostro, é mais concentrado, nutritivo e com muitos anticorpos (é considerado a primeira vacina). O colostro ajuda o bebé a adaptar-se à amamentação(mais fácil digestão). Com o passar do tempo, é produzido um leite adequado às necessidades e à idade do bebé, mudando de aparência, consoante a duração da mamada. No início é mais aguado (tem a água necessária), no final da mamada é mais gorduroso.

O Tamanho da mama, influencia a quantidade do Leite?
MITO: Mamas grandes ou pequenas, não são sinónimo de mais ou menos leite, a produção do leite varia consoante a estimulação do bebé. Quanto mais o bebé mamar, mais leite é produzido para satisfazer as necessidades do bebé. Não existe pouca produção de leite, o que acontece na maioria das vezes, é que a mãe limita as mamadas do bebé, limitando assim a produção de Leite.

Os bebés devem mamar de 3 em 3 horas e no máximo 15 a 20 minutos em cada mama?
MITO: As moléculas das proteínas do leite materno são mais fáceis de digerir do que, as dos restantes leites. Logo é normal que o bebé solicite com mais frequência alimento. Decididamente, está provado que o leite materno deve ser exclusivo até aos 6 meses de vida. Durante este período, o leite materno, deve satisfazer todas as necessidades do bebé. Quantas vezes ao longo do dia os adultos bebem água, comem uma peça de fruta, uma bolachinha, … sem horários. Então, porque é que os bebés têm de ter um horário? Também é importante salientar, que cada bebé tem o seu ritmo, logo não se pode limitar o tempo que ele demora a mamar. Existem bebés que demoram muito tempo a mostrar que estão satisfeitos pois na realidade já comeram o suficiente, mas por carência e por gostarem de estar junto da mãe, demoram mais tempo para prolongarem essa sensação.

A mãe que amamenta não deve beber bebidas alcoólicas, fumar ou tomar medicamentos?
VERDADE: As bebidas alcoólicas e a nicotina, passam através do leite materno, para o bebé, assim sendo, a mãe deve evitá-los para proteger o bebé. Em relação aos medicamentos, existem casos em que o uso é necessário, nesses casos a mãe que amamenta deve sempre aconselhar-se com o seu médico.

Se uma criança não aumenta bem de peso, é possível que o leite da mãe seja de baixa qualidade?
MITO: Não existem leites de baixa qualidade. Vamos lá pensar um bocadinho, se até as mulheres desnutridas são capazes de produzir leite de qualidade suficiente para suprir as necessidades de crescimento da criança, porque é que uma mulher, com uma alimentação equilibrada, há-de produzir leite de baixa qualidade? É bem mais possível que o bebé não esteja a fazer a pega correcta e consequentemente uma má estimulação.

A mãe que amamenta precisa de beber mais leite ou comer mais do que o habitual para produzir mais leite?
MITO: A mulher que amamenta precisa adoptar uma dieta que preencha as necessidades nutricionais para esta fase, que de fato são maiores. No entanto, isso não quer dizer que ela deva ingerir grandes quantidades de comida. O ideal é que faça uma alimentação variada e saudável, distribuída em pequenas refeições ao longo do dia. Caso exista necessidade, deverá ser acompanhada por um nutricionista. E não há nenhuma razão para adicionar leite à sua dieta, ou aumentar o consumo do mesmo, para aumentar a produção de leite materno.

As próteses de silicone prejudicam a amamentação?
MITO: Existe muitas mulheres com implantes de silicone, que amamentam sem qualquer dificuldade! Como as próteses costumam ser colocadas por baixo da glândula mamária ou atrás do músculo peitoral, não há influência directa na produção de leite. Mas deve sempre verificar com o cirurgião plástico que realizou a colocação das próteses se as mesmas foram colocadas, com o cuidado de preservar o bom funcionamento da mama.

A posição incorrecta do bebé, pode traumatizar o mamilo?
VERDADE: A posição do bebé e da mãe durante a amamentação é extremamente importante. O bebé deve estar bem virado para a mãe, e abocanhar o mamilo todo e uma grande parte da auréola. Assim o bebé consegue extrair mais facilmente o leite, diminuindo o risco de fissuras no mamilo.

Certamente que muitas mais duvidas existem em relação a este tema. Muitas das recentes mães, com a vontade de serem “as melhores mães do mundo”, sentem necessidade de obter muitas informações sobre este tema. Toda esta recolha de informação pela parte da mãe, faz com que ela, por vezes, se depare com mitos ou crenças populares.

Assim sugere-se que em caso de dúvida a recente mãe recorra à ajuda de profissionais de saúde, ou conselheiras  da amamentação.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *